Visitantes

domingo, agosto 10, 2008

Hasta el Fin


(Amigos, faço o retorno ao meu estimado espaço virtual com um desenho, uma história e uma canção)

Dias atrás, após uma canja danada de boa - como diriam os mineiros - com The Caviars e o bluesmaster Danny Vincent, ele me contou que afinal se redescobria na guitarra, atravessando madrugadas em sua verve; e que tocava agora mais intensamente do que jamais em sua vida. Na conversa a seguir com ele e Dr. Hamer, lembrei-me de uma frase que não soube dizer a autoria, mas que devo ter ouvido em algum filme ou devo ter inventado esse filme em minha memória para poder dizer essa frase.

- Só tem um jeito bom na vida de fazer
não importa a coisa que você queira: Até o fim.

Dannito entendeu, seus olhos entenderam. Resolvemos que começaríamos a pensar um show que unisse nossas origens e nosso blues. No dia seguinte, uma canção saltou diante de mim.
E, ineditamente, em espanhol. Será uma série de canções em espanhol, ligando minha canção às origens de Danny ao blues e à canção latina.
Abaixo vai a letra (aos que, por ventura, não puderem compreender, posso enviar-lhes uma tradução):

Hasta el fin

No creo, tú sabes, en nombres y cifras
Si estos no habitan las calles del sueño
La vida decide el destino a los ojos
Pero solo tú mirarás su diseño

Miré tus ojitos de espasmo, miré
tus manos de augurio y lo comprendí
Despiertas ahora di tantas palabras
Calumnias de caos disfrazadas de ti

Despierta ahora, mi niño
Despierta de tanta civilización
Aunque me descubras triste
Aunque me sepas ficción
Solo hay una manera buena en la vida
de hacer no importa la cosa que quieras
Hasta el fin, mi hermano
Hasta el fin, mi amor, Hasta el fin


No creo, tú sabes, en armas de fuego
Mi arma es el arte, es nuestra aventura
La guerra decide el destino a los ojos
Pero solo tú mirarás la pintura

Quizás caminando sin dueño y sin patria
Cual perro ofertando cariños al viento
Crecer tan leve como un pajarito
Despuntar tan alto como un pensamiento

Despierta ahora, mi niño
Despierta de tanta civilización
Aunque me descubras triste
Aunque me sepas ficción
Solo hay una manera buena en la vida
de hacer no importa la cosa que quieras
Hasta el fin, mi hermano
Hasta el fin, mi amor, Hasta el fin



Obs: gracias a Marianita pela correção do espanhol
(desenho e texto: Chuí)

17 comentários:

guappo disse...

Estoy encantado con las palabras

poéticas !

me ajude marianita!!!!!

guappo

george disse...

Caro hermano,

Precioso!
Este é, para mim, o dom dos artistas: viver como este momento fosse, de fato, o último e, ainda sim e por isto mesmo, encontrar luz e inspiração.
Vou tomar mais cuidado com as bobagens que falo perto de vocês, para que também não vire canção, hehehe!
Vida longa à parceria Danny/Chuí.
Abç,

Hamer

Rafaela Figueiredo disse...

Maravilloso,
Fernando Che de Menezes!

"Hasta la vitória, siempre!"
Besos

Lara disse...

aún estoy en el camino, pero que sé yo...
voy caminar (hasta el fin!...

Besitos Fer!

^^

Lara

Nanda disse...

Oii Fee!!
ainda lembra de mim? a Fernanda, pra quem vc mandou os cd's autografados no niver d 18 anos??... me desculpa desaparecer assim... mas eu to recuperada pra te mandar recados, agora que estou bem...
Eu passei por momentos ruins... entrei em depressao, fiz tratamento, por isso parei d comentar aki e em varios lugares... mas agora q estou bem, eu voltei tah =]
Ainda amo seu trabalho e por muito tempo ouvia "Canção de amor para Marcia" quando estava mal.... eh uma musica que me faz chorar, sabia??/ saudades das respostas suas para meus comentarios.. hehe...
adoro vc e seu trabalho... muitos beijosss!!
Nanda

ps: vc recebeu meu cartao de natal, no ultimo natal?? bjss

Tiago disse...

opa chui blz?

me mande a traduçao de ´´hasta el fin´´,por favor =D

abs

Luiza disse...

Chui, que bom o hasta el fin...

To disse...

nossa, fe, tu TÁKTà

baita desenho

Anônimo disse...

Fer,
a letra é linda e, sinceramente, você cantando rouco também ficou "algo" guapíssimo :)
Gostei do "Fernando Che" da Rafaela.
bjs
Marcia

Urânia disse...

Ai amigo, não sei se entendi... mas posso te dizer que senti toda a emoção... interessante sentir tanta emoção num idioma que só sei assim de fronteira...

Mas se entendi "Hasta el Fin" é tudo o que posso, é minha expressão mais profunda, é meu prazer maior.

Se não entendi, podes me dizer, porque não faz mal. O bom é sentir alguma coisa, mesmo estando errada.

Beijos,

Urânia

Yone disse...

Mi amigo,

Hay ocasiones especiales que tiendem por costumbre a durar horas interminables, pero de las cuales no se puede perder un solo segundo. Asim es tu mensaje que es muy bela. Beso,


Yone

Fernando Chuí disse...

Uranita, se vc sentiu, entendeu.
Acho que poesia não é piada, é mais parecida com carinho ou grito...
Mas envio-lhe a tradução, tá?
Beijo,
Chuí

Danilo disse...

eu já nem lembro pronde mesmo que vou/ mas vou até o fim (Buarque/ Hime)

Menezes disse...

Hasta el fin o hasta siempre.

No és lo mismo, pero és igual...



Menezes

Anônimo disse...

Ir até o fim, amigo! Sempre!!! Talvez seja essa a CORAGEM COMO PRINCÍPIO... talvez...
Abs
Giuls

Anônimo disse...

amei amei amei amei amei amei amei amei

"sobre um poema quase nunca há nada a dizer,deseja-se que seja amado,se for possível..."
(cecília meireles)

adoraria ouvir a música
bj
lourdes

roz disse...

Fezinho
Adorei o poema. Quero ouvi-lo musicado.
O que é " di auguri " so conheço em italiano.
saudades
Roz