Visitantes

sexta-feira, dezembro 15, 2006

Auto-retrato

Quem quiser me conhecer
Que venha como um turbilhão
Metralhadora, bala de canhão
Sonho, tempestade, vulcão
Epidemia, lambida de cão

Só não estranhe
os meus olhos de assombro
Só não recue
quando eu me esconder num manto

Eu terei a vida inteira
para lhe retribuir o espanto


(imagem: auto-retrato de Chuí, 1997)

13 comentários:

Anônimo disse...

Me senti até estranha agora...
nossa, capturou as palavras no fundo da minha alma e dos meus sentimentos! É o meu auto-retrato!;)
Parabéns Chuí!
Abraços,
Lara

Rafaela disse...

Fer,
já me sentindo uma "bala de canhão", me inflitrando em todos os seus posts... fiquei com vergonha de postar primeiro novamente.
Mas adorei o poema (como todos)!
Espero ter chegado, não como metralhadora, mas como lambida de cão - amigo, sereno, fiel...

beijos!

Fernando Chuí disse...

Que bom, Lara! Mas deixe seu e-mail na próxima vez!
E Rafaela, deixe-me beber o sonho, o cão e o vulcão, um gole pro santo e a vergonha pro manto...
Beijos!

Harumi disse...

Grande Chuí!
Lindo, lindo! Tentar expressar em palavras seria reduzir o que é de verdade...

ROBERTA MARTINS disse...

ai ai ai...quem boa leitura de segunda feira, faz lembrar que ainda sinto! obrigada.

ROBERTA MARTINS disse...

ai ai ai...que belo, faz lembrar que ainda sei sentir. obrigada.

Fernando Chuí disse...

Que bom receber seus bons ventos, Roberta. Estou neste exato instante fazendo esses versos virarem canção...Beijos!

Tatiana disse...

Fernando, adorei, e tive o mesmo pensamento, só não tive tempo de escrever antes, esse verso se encaixa numa canção. Viajei nas palavras. Boa composição. Grande abraço.

Lara disse...

Aaaah, a música vai ficar linda!
Já quero cantar!:')
Abração!
Ps.(larafcf@hotmail.com)!

Juliana disse...

Venha, Fernando, fazer show em Curitiba! Abraço, Juliana

Fernando Chuí disse...

Juliana, eu também tenho essa vontade. Aquele teatro de arame de vocês é uma maravilha...
Beijos!(depois deixe e-mail para contato, heim?)

rafa disse...

Opa! Música?! =D

bjs

A czarina das quinquilharias disse...

bom demais! tanto o desenho quanto o poema.
aplausos!